Search
sábado 23 setembro 2017
  • :
  • :

Enfermeiro é acusado de matar outros 84 pacientes na Alemanha

Em 2015, Högel foi preso pelo assassinato de dois pacientes e por tentar matar outros dois em uma clínica em Delmenhorst, na Baixa Saxônia

Em 2015, Högel foi preso pelo assassinato de dois pacientes e por tentar matar outros dois em uma clínica em Delmenhorst, na Baixa Saxônia. Um ano depois, os investigadores adicionaram à lista de pacientes mortos por Högel 33 pessoas. Agora, o número chega a 84.

De acordo com o chefe da polícia local, Johann Kuehme, autópsias nos cadáveres e análises de centenas de registros clínicos do hospital levaram os investigadores a chegar nas outras vítimas. Entretanto, segundo informações do G1, as vítimas poderiam ser mais, já que alguns ex-pacientes foram cremados.  Noticias ao minuto




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *